Projetos

sexta-feira, 29 de novembro de 2013

Registros da semana


Visitas, lançamento de livro, exposição, entrega de prêmio, almoço, homenagem, encontros, audiências. 
Compartilho um pouco desses momentos da minha semana:


Registrando uma visita mais do que especial no meu gabinete: meu pai, ex-vereador 
Coronel Pedro Américo Leal

Recebendo a visita do Padre Caspary que trouxe a imagem de Nossa Senhora Desatadora de Nós até a Câmara divulgando 
a Romaria para a Santa que ocorrerá dia 1º de dezembro
Foto: Tonico Alvares
Movimentação no plenário da Câmara: com os vereadores Dr. Thiago Duarte e Claudio Janta
Foto: Elson Sempé Pedroso
Nos autógrafos do livro "10 Anos Às Ganhas!", do meu querido amigo jornalista, 
escritor José Luiz Prévidi 
Cumprimentando o César Augusto,  do Mirage Intercoiffure, que promoveu uma exposição comemorativa
que foi muito prestigiada
Na bancada do Jornal da Pampa: Jarbas Lima, JK, Magda Beatriz, Lilian Abelin, 
Germano Rigotto e Carlos Appel
Foto: Guga Stefanello
Encontrando uma simpatizante do meu trabalho político,  Conceição, que
sempre que me encontra faz questão de parar e me abraçar
Anunciando uma das categorias do Prêmio Press 2013 no palco do Teatro Dante 
Barone, Assebleia Legislativa
Foto: Guga Stefanello

Almoço no restaurante da Câmara ao lado do querido colega vereador Villela

Na sala da presidência da Assembleia Legislativa do RS antes do Grande Expediente 
Especial em homenagem à Celulose Riograndense, proposição da 
deputada Silvana Covatti, PP
Foto: Vinícius Reis

Numa ida Necessária ao palácio da polícia, onde fui muito bem recebida pelo Delegado Regional de Porto Alegre, Cleber Ferreira e pelo jovem delegado Thiago Baldin
Com meu assessor Antônio e secretário Cláudio Dilda, na SMAM
Foto: Sérgio Loruz


Villela e eu na companhia do ex-vereador João Antonio Dib, que prestigiou conosco a sessão 
que destacou os 70 anos da independência do Líbano
Foto: Tonico Alvares

Como vice-líder do PP na Câmara de Vereadores, acompanhei a senadora Ana Amélia Lemos na visita à sede da UVERGS










Demandas para a SMAM


Foi muito produtiva a agenda que tive na Secretaria Municipal do Meio Ambiente esta semana.  
Acompanhei duas pautas que precisavam ser apresentadas a SMAM, vindas de demandas que chegaram ao meu gabinete na Câmara.
Quando essas necessitam ser encaminhadas para conhecimento ou providências dos órgãos da prefeitura de Porto Alegre e quando estão ao meu alcance, faço questão de auxiliar.
Muito bom ver o pessoal da secretaria, ser recebida pela simpatia do secretário Cláudio Dilda e sua equipe técnica, sempre a postos para atender.
Tenho um carinho especial pela pasta do meio ambiente. Não deixo de registrar e me orgulhar que o meu partido está diretamente ligado ao pioneirismo nas políticas para a preservação ambiental com a criação da primeira secretaria municipal do meio ambiente do país, pelo então prefeito e hoje meu colega vereador progressista, Guilherme Socias Villela.
O PP também marcou a trajetória do meio ambiente com a gestão de Beto Moesch, agora ex-vereador, que deixou entre tantas coisas, o plantio de mais de 200 mil árvores plantadas na cidade quando estava à frente da SMAM. 
O meu filho Marcelo é advogado ambientalista, muito por conta de ter trabalhado e aprendido mais sobre esta área com ele na secretaria.
Resumindo. Pautas discutidas, ideias trocadas, missão cumprida!


Com Antonio Farias, meu assessor na Câmara, secretário Dilda, técnicos do meio ambiente
e a presidente da Associação do Parcão, Ana Luiza Zambrano

Foto: Sérgio Loruz








quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Homenagem à Celulose Riograndense


Estive na Assembleia Legislativa do Estado acompanhando o Grande Expediente Especial da sessão plenária de quarta-feira, que foi realizado em homenagem à  Celulose Riograndense.
A proposição foi da deputada estadual pelo PP, Silvana Covatti.
E foi uma tarde em que os progressistas se fizeram presentes de forma forte e comprometida, nas pessoas do presidente da AL/RS, Pedro Westphalen, do deputado federal Wilson Covatti, do deputado Frederico Antunes, que se pronunciou em aparte e através na minha representação da Câmara Municipal de Porto Alegre na solenidade.
Na fala de Silvana Covatti, destaque para os 41 anos da empresa e para o crescimento da geração de empregos prevista com a ampliação da fábrica da Celulose Riograndense, que está em andamento, e o papel da empresa para o desenvolvimento do Rio Grande do Sul.
Em agosto, estive presente na cerimônia de lançamento da Pedra Fundamental de ampliação da fábrica em Guaíba, evento que mostrou a grande transformação social e econômica que aquela região está recebendo.
Pude transmitir novamente ao presidente da Celulose Riograndense, Walter Lídio Nunes, a minha admiração pela história da empresa e por sua condução.

Fotos:Luís Vicente Souza de Medeiros

Autoridades se organizando para a foto oficial na sala da presidência da Assembleia

No centro da foto a Deputada Estadual Silvana Covatti, o presidente da Celulose Riograndense, Walter Lídio Nunes e deputado estadual Pedro Westphalen, Presidente da ALRS

 Com o vereador de Guaíba e presidente da Câmara, Antonio Pereira, Dep. Federal Wilson Covatti, Dep. Estadual Silvana Covatti, Walter Lídio Nunes, Presidente da Celulose Riograndense e Deputado Estadual Frederico Antunes
Foto: Luís Vicente

Compondo a mesa, em representação da Câmara Municipal de Porto Alegre













quarta-feira, 27 de novembro de 2013

No Prêmio Press 2013


 Estive na entrega do Prêmio Press 2013, evento que sempre prestigio a cada ano, pois é realmente um grande momento da área da nossa Comunicação, que reconhece os profissionais gaúchos, cujos nomes são lembrados, indicados e passam pelo voto popular e por uma comissão julgadora de alto nível.  A promotora do prêmio é a revista Revista Press & Advertising, que tem o jornalista Julio Ribeiro no comando.
Este prêmio é considerado o maior e mais disputado prêmio do jornalismo brasileiro. É o que há de importante para a valorização de homens e mulheres que se dão de corpo, alma e coração à profissão, que muitas vezes não tem horário nem descanso, que trabalham com muita paixão, exercendo sua vocação na lida diária do exercício da ética, da isenção e da imparcialidade, ao buscar a verdade dos fatos e colocar esses fatos nos meios de comunicação com responsabilidade, formando opinião, levando conhecimento à população, prestando um serviço indispensável.
Antes da abertura dos envelopes para revelar os vencedores, houve a recepção com um delicioso coquetel regado a champanhe e deliciosos salgadinhos, momento de confraternização onde pude matar a saudade de colegas amigos queridos. 
Já no teatro Dante Barone, tive o privilégio de subir ao placo para anunciar o prêmio de Melhor Apresentador do Ano, que foi para a Magda Beatriz, do Jornal da Pampa, programa onde participo como comentarista convidada semanal.
O grande homenageado da cerimônia foi o jornalista Lasier Martins, pelos seus mais de 50 anos de jornalismo.
Esses são os agraciados do ano do Prêmio Press:
Marina Pagno, Band AM, estagiária de jornalismo, Voltaire Porto, repórter de rádio, Rosane Marchetti, repórter de televisão, Jeferson Klein, Jornal do Comércio, Taline Oppitz, colunista de jornal/revista, Ricardo Vidarte, comentarista de televisão, João Garcia, comentarista de rádio, Magda Beatriz, apresentadora de televisão, Luiz Carlos Reche, apresentador de rádio, Paulo Gilvane, jornalista de web, João Mattos, repórter fotográfico, Rafael Colling, locutor/apresentador de notícias, Rodrigo Giacomet, jornalista destaque do interior, Gaúcha Hoje, melhor programa de rádio, SBT Rio Grande Manhã, melhor programa de televisão do ano e Milton Cardoso, eleito o jornalista do ano.
Abaixo, as fotos tiradas pelo jornalista Guga Stefanello que me acompanhou:


Da esquerda para a direita: Patrícia de Conto, Milton Cardoso, que viria a ser premiado o profissional
do ano, eu, João Bosco Vaz,  secretário extraordinário da Copa 2014
e vereadora Luiza Neves

Registro ao lado do jornalista Lasier Martins, o homenageado da noite

Muito bom encontrar o colunista do Jornal do Comércio e comunicador da Band AM,
Fernando Albrecht

Ao lado da Marla Martins, jornalista, filha de Lasier Martins

Com o grande jornalista, escritor e blogueiro José Luiz Prévidi

Encontro descontraído com Rosane Oliveira, colunista política do jornal Zero Hora

O jovem Rafael Colling, da Rádio Gaúcha, que se disse honrado em ganhar o meu abraço

Prefeito José Fortunati prestigiou o Prêmio Press. Registro com o diretor Julio Ribeiro


Com o amigo, deputado estadual Gilmar Sossella, do PDT, próximo presidente 
da Assembleia Legislativa do Estado

Com o prefeito e Lasier Martins

Os apresentadores com suas vozes maravilhosas: Maria do Carmo e Nilton Fernando

Anunciando o esperado nome. Atrás, detalhe dos fortes apoiadores do prêmio

Registro com Felipe Vieira da Rádio Guaíba no palco











Diálogo produtivo


Primeiramente, gostaria de registrar que li todos os comentários recebidos nas redes sociais a respeito da divulgação do projeto que protocolei na Câmara Municipal de Porto Alegre, e, aos que de forma respeitosa compartilharam e expressaram suas ideias, convicções, opiniões e experiências, agradeço pela troca. 
Aos que agrediram e ofenderam, não só a mim, mas a minha família e meus eleitores, lamento. Acredito que a educação é e sempre será a base para tudo.
Gostaria de esclarecer diversos pontos contestados. Em relação ao projeto de lei, que assinei em conjunto com o vereador Mário Fraga, e vem para ALTERAR a Lei nº 6.643, de 18 de julho de 1990, que JÁ PREVIA A PROIBIÇÃO DA COMERCIALIZAÇÃO, acrescentando a proibição da fabricação e disciplinando as penalidades, esclareço que o texto faz referência apenas às ARMAS DE BRINQUEDO QUE SEJAM CÓPIAS PERFEITAS E FIDEDIGNAS ÀS ARMAS VERDADEIRAS, levando em consideração, aspectos físicos, cores, peso e manuseio entre outros fatores.  Sendo assim excludentes outras espécies. Diante disso, este projeto é considerado PREVENTIVO. 
O mesmo foi modificado diante da convicção que tenho de que as armas de brinquedo que possuem semelhanças radicais com as armas de verdade, são passíveis de estimulação da violência infantil.  
Em relação ao desarmamento de armas reais, sou contra, por um motivo claro: o desarmamento não desarma o bandido, desarma o cidadão de bem que busca mecanismos para se defender da insegurança do cotidiano.
Espero ter me feito clara.









terça-feira, 26 de novembro de 2013

Novo livro de José Luiz Prévidi





Quero registrar que estive no lançamento do novo livro do meu querido amigo, jornalista e escritor, José Luiz Prévidi. 
A sessão de autógrafos foi no Tapa´s na Cidade Baixa.
Já é o décimo livro dele e se chama "10 anos Às Ganhas" - reunindo textos de uma década do blog previdi.com.br, que é uma referência de leitura política e jornalística no RS. 


                        Com meus exemplares e com o autor do livro, ganhando autógrafo











segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Nossa Senhora Desatadora dos Nós abençoa a Câmara Municipal!


Registrando um momento especial ocorrido na Câmara, no início da sessão ordinária da segunda-feira.
Recebemos a visita da estátua da Nossa Senhora Desatadora de Nós, trazida pelo Padre Jaime Caspary e por um grupode fiéis da santa.
O padre ocupou a Tribuna Popular para fazer o convite a todos para participarem da VIII Romaria, que vai ocorrer dia 1º de dezembro, iniciando às 9 horas na Igreja Nossa Senhora das Graças, no Bairro Tristeza. 
Eu e o vereador João Carlos Nedel acompanhamos o caminho da imagem, do plenário até a capela da Câmara, onde fizemos orações.
Foi muito bom iniciar a semana escutando as palavras do querido padre Caspary, que trouxe a mensagem da Nossa Senhora Desatadora de Nós e nos proporcionou um momento de fé dentro do ambiente da casa do povo porto-alegrense.



Entre o padre Caspary, a bela imagem da santa e o vereador
progressista João Carlos Nedel

Fiéis, vereadores e assessores na Capela da Câmara












Armas, nem de brincadeira!


Alexandre Meneghini/ AP Photos

Divulgando hoje, projeto de lei que foi protocolado e está tramitando na Câmara Municipal de Porto Alegre. 
O projeto objetiva cessar com a fabricação e a comercialização de brinquedos que sejam réplicas perfeitas de armas de fogo e está em pauta para sua primeira sessão de discussão em plenário. 
Vem para alterar a Lei nº 6.643, de 18 de julho de 1990, que já previa a proibição da comercialização, e acrescenta a proibição da fabricação e disciplina as penalidades. 
Convidei o vereador Mário Fraga (PDT) a assinarmos junto a proposta, pois ele é um defensor da mesma ideia. 
Na minha opinião, não pode existir nada mais arriscado do que estimular crianças a manusear um brinquedo com características de arma verdadeira.
O Poder Público tem o dever de assegurar às crianças o direito a uma vida com menos violência e uma conscientização nesse sentido deve ser conhecida desde cedo.
Essas armas também representam perigo nas mãos de marginais, que com o acesso fácil e barato no comércio, as utilizam como objeto de intimidação em seus delitos. 
A retirada desses artigos que estão no mercado pode contribuir para reduzir a violência na nosa sociedade, motivo pela qual defendo a tese da proibição da fabricação de armas que parecem verdadeiras, que de lúdicas não tem nada.

Compartilho aqui a divulgação do projeto nos programas Jornal de Sábado da Rádio Guaíba e Beatriz Fagundes, da Rádio Pampa.
Para ouvir, clicar nos LINKS abaixo:





domingo, 24 de novembro de 2013

Meu trio parceiro


Através dessa imagem, desejo aos leitores do meu blog, 
um doce domingo.

Felipe, eu, Juliana e Marcelo.
Foto: Paula Fiori

Os amores que a vida me deu. 
Meus filhos: Juliana, Marcelo e Felipe.

Amor é o sentimento que temos por aqueles com quem nos importamos profundamente e por quem temos consideração incondicional.







sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Jantando com o Vice-Presidente do Brasil


Nunca havia imaginado jantar com a segunda maior autoridade do país, isso por uma questão muito simples: sou uma política progressista de Porto Alegre, sempre fui. Mesmo quando estive no comando da Secretaria de Estado da Cultura, nunca considerei essa hipótese, fosse em Brasília ou em solo gaúcho, porque algumas pessoas públicas me pareciam muito distantes da minha vida aqui na aldeia.
Hoje, não posso mais pensar assim, já que o Instituto Voto se encarregou de me aproximar do Vice-Presidente da República.
Sim, foi a diretora da Revista Voto, Karim Miskulin, a autora desta façanha. Ela promoveu um grande evento para o lançamento do livro “Recontando a História do Rio Grande do Sul”, que aborda os governos do período pós-redemocratização, com a presença de Michel Temer.
Foi um jantar maravilhoso! Tudo super organizado, desde a recepção, onde cada convidado ganhava um botom diferente conforme os grupos planejados pela equipe de produção, que identificava em que mesa sentar.
Compareceram personalidades importantes do meio político, jurídico, empresarial, da comunicação e da publicidade.
O Vice-Presidente deu o tom da pontualidade ao evento, coisa difícil de acontecer na política. O número de pessoas foi na medida certa para que todos fossem servidos à francesa e os discursos, proferidos apenas pelo Temer e pela Karim. 
E cabe aqui destacar que fiquei encantada com a objetividade dos dois oradores. Coisa rara nesse universo político!
Adoro pronunciamentos com início, meio e fim.
O vice-presidente do Brasil, mostrando o dom da oratória, elogiou a revista destacando que é um veículo que atualiza o leitor, gaúcho ou não, sobre os mais variados assuntos da história do estado, do passado e do presente. Cumprimentou cada um dos ex-governadores presentes e elogiando-os pelo significado de fazerem parte da construção do Rio Grande do Sul através de seus governos - Jair Soares, Pedro Simon, Germano Rigotto e Yeda Crusius. 
Falou também da imagem positiva que levava com ele de Porto Alegre e parabenizou o prefeito José Fortunati por isso.
Karim agradeceu muito a presença de todos, registrando a grandeza e a qualificação das pessoas públicas que ali estavam prestigiando a iniciativa. O momento foi coroado com a entrega de exemplares do livro para cada ex-governador. Os convidados receberam o livro na saída.
Eu, fiquei muito bem acompanhada na denominada mesa 1, ao lado de João Ruy Dornelles Freire, gerente de Relações Institucionais da Brasken, Paulo Tigre, presidente do Conselho Deliberativo da FIERGS, Humberto Busnello, diretor da Toniolo Busnello Engenharia, Daniel Arena, diretor regional da Capemisa Seguradora, Osmar Terra e Darcísio Perondi, deputados federais e Edson Brum, deputado estadual, todos do PMDB. 
Encontrei muitos amigos queridos por lá.
É. Conhecer e falar com o Vice-Presidente do Brasil, cidadãosimples e educadíssimo, foi, sem dúvida, uma novidade e tanto na minha caminhada política!


Com o vice-presidente da República, Michel Temer
Foto: Galileu Oldenburg

Ex-governadores presenteados e a felicidade da diretora da Voto, Karim Miskulin
Foto: Emmanuel Denaui

Amostra do livro e de exemplares da Revista Voto
no salão do Country Club

Foto: 
Emmanuel Denaui






Balanço


Mais uma semana super movimentada e intensa se concluindo.
Fazendo o balanço dos compromissos cumpridos, das agendas realizadas, olho para trás e vejo, que por mais que tentasse, não conseguiria estar presente em todos.
Procuro honrar cada um dos convites que recebo e dentro da organização da semana, que faço com antecedência, eles são programados, porém, em se tratando do cotidiano político, tem dias que são verdadeiras caixas de surpresa e tudo muda de repente.
Por isso, sempre gosto de registrar que, por mais que eu queira e me esforce para estar presente, pois gosto de prestigiar todos aqueles que me procuram e exteriorizam a importância da minha presença para eles em seus eventos, às vezes ocorrem imprevistos. 
Mas o bom é que sempre vem um fim de semana para nos dar um tempinho a mais para colocar tudo em dia e começar novamente a semana de compromissos!


Tirei essa foto mostrando a vista que tenho da janela da minha casa, olhando para
o jardim da frente, agora na primavera






quinta-feira, 21 de novembro de 2013

Destacando o trabalho da Delegacia de Proteção ao Idoso


Delegados da Polícia Civil e vereadores reunidos na homenagem


Compartilho minha fala em homenagem ao aniversário de 19 anos da Delegacia de Polícia de Proteção do Idoso de Porto Alegre no Período de Comunicações da sessão plenária desta quinta-feira, onde estavam presentes delegados da Polícia Civil:

Como filha de ex-Diretor e Professor da Escola de Polícia do Rio Grande do Sul, e também o criador do Dia do Policial Civil nesta Câmara Municipal, Pedro Américo Leal, adquiri um forte sentimento de apego à nossa Polícia Civil, esta Instituição sólida e respeitada que aprendi desde muito cedo a confiar e admirar, que sempre esteve presente na minha vida e, sem dúvida,  muito contribuiu para a minha formação pessoal e profissional.
Falando no meu pai, ele uma vez declarou: 
"Tenho sete filhos e sempre afirmo que e a Polícia é a minha oitava filha!"
Para os senhores verem o quanto esta representou na vida de meu pai. 
E é como sua filha que falo aqui a vocês, representantes da minha estimada Polícia Civil.
Como é importante que contemos com instituições preocupadas com a garantia dos direitos dos cidadãos idosos, como faz a Delegacia de Proteção do Idoso de Porto Alegre.
Completando seus dezenove anos de assistência, a delegacia preenche um espaço específico na área da segurança e presta um atendimento apropriado a pessoas que muitas vezes chegam até sua sede em condições de maus-tratos e abandono -  que são as duas demandas mais frequentes levantadas -  junto a casos de apropriação indevida de valores.
Creio que todos que por lá trabalham - delegados, escrivães, investigadores, peritos, funcionários, devem se orgulhar de poder fazer parte de uma equipe que oferece um serviço que ampara, orienta e protege pessoas que precisam de ajuda especial por estarem inseridas em um quadro de muitas particularidades - estágio da vida que um dia chega para todos.
Penso que a atenção pública deve ser total e temos todos, enquanto cidadãos comuns, de nutrir interesse e praticar ações que possam contribuir para a qualidade de vida desta parcela da população brasileira que hoje é de 7,4 por cento, mas que em dois mil e cinquenta poderá chegar a 27%.
Os idosos de hoje, são um grupo extremamente produtivo na cadeia econômica, pois estão trabalhando até idades mais avançadas, na maioria das vezes por necessidade financeira, mas também por que têm boas condições de saúde e disposição para contribuir com a sociedade.
São força motriz das famílias, em muito por já terem construído seu patrimônio, seja de que tamanho for, e continuam a sustentar dependentes.
São uma parcela significativa nos dados do turismo no Brasil; assimilaram seus direitos por gratuidades, meias-entradas, vagas especiais e descontos nas mais diversas propostas, sejam sociais, culturais, esportivas, e usufruem disso por merecimento, com a maestria que lhes é própria.
E é nesse ponto que deveríamos nos deter – na maestria, na sabedoria, na bagagem de vida e experiência que o idoso carrega junto com ele, que em países orientais são tão reverenciadas e que por aqui penso que também deveriam ser.
Mas, para isso acontecer, uma palavra básica indispensável a qualquer ser humano precisa ser resgatada e lembrada todos os dias: a palavra respeito - expressão anteriormente tão bem registrada pelo delegado Antônio Paulo Machado, titular da Delegacia do Idoso, em seu pronunciamento.

Ao lado do delegado Antônio Paulo Machado, que adorei encontrar e cumprimentar
Foto: Ederson Nunes/ CMPA