Projetos

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

São Vicente do Sul e Cacequi


São Vicente foi a segunda cidade que visitei nesse roteiro que fiz no final de semana. Lá fui ciceronada  pelos meus amigos queridos, o Delegado João Luis Brum da Cruz e sua esposa Diuliane. Fiz uma grande carreata pelas principais ruas da cidade e fiquei impressionada com a receptividade do povo que  abanava, batia palmas e espiava através das portas das suas casas. Teve gente que dançou a música do meu jingle, foi aí que percebi o quanto a letra tocou o coração dos gaúchos. 

Segui dali para a carreata em Cacequi, acompanhada pela Lisandra Pedroso e o Vantuil, onde desfilei de carro aberto pelas ruas da cidade. Minha nossa, que sensação maravilhosa essa de andar em carro aberto e sentir as manifestações das pessoas. Mais uma vez me surpreendi com o carinho do povo e, principalmente com a festa que fizeram com a minha chegada. Durante o caminho escutei foguetes e fogos de artifícios e nesse momento a Fernanda, colega jornalista, comentou: "Olha só, até fogos têm para tí". Eu respondi: " Devem ser para outra pessoa, mas não faz mal, vamos entrar na carona que o efeito é quase o mesmo". E não é que quando cheguei no comitê especialmente montado pela  Lisandra e o Vantuil, chegou perto de mim um cidadão chamado Gabriel que perguntou: "Gostou dos fogos que preparamos para ti?" Eu olhei para a Fernanda estarrecida, pois não é que eram para mim? Cacequi estará guardada no meu coração de maneira muito especial, pois receber o carinho daquelas pessoas e ver a dedicação da Lisandra e do Vantuil na minha campanha reforçou o sentimento de que o melhor de tudo na minha vida política são as pessoas que conheço e as amizades que faço. Como eu tinha mais dois compromissos na cidade de Santiago, tive que pegar a estrada para chegar a tempo de cumprir minha agenda.
Caravana indo para São Vicente
Batedores abrindo caminho
Carinho do povo
Batedores abrindo caminho para Cacequi
Quando eu passava as pessoas abanavam
Carreata pelas ruas da cidade
Batedores acompanharam durante todo percurso
Muitos batiam palmas
Chegada ao comitê
Em frente ao comitê de Cacequi
Com Vantuil, Gabriel dos fogos e jovem progressista



São Francisco, São Vicente, Cacequi e Santiago


Domingo, 29 de agosto - Cheguei, à tarde, de um extenso roteiro pelo interior. Estive em São Francisco de Assis, São Vicente, Cacequi e Santiago em três dias de viagem. Tenho muito para contar de cada uma dessas cidades que visitei. Reencontrei amigos, conheci pessoas e vivi momentos especiais que ficarão guardados para sempre no meu coração. Tirei fotos na tentativa de eternizar essas lembranças e quero mostrar todas para vocês, mas faço questão de destacar cada uma, o que farei em postagens separadas.

Hoje vou falar da minha ida a São Francisco. O encontro aconteceu às 10h no trevo da cidade. Logo, os carros começaram a chegar com bandeiras e tocando o jingle da minha campanha "Leal ao Rio Grande - Leal a Você". Saímos em carreata pelas ruas até o Diretório do PP. Entre as tantas pessoas queridas nesse encontro político, lá estavam o meu coordenador da região, Rafael Nemitz, a professora Ayda Bochi, seu filho Olívio, o Delegado Brum e Diuliane e a Lisandra e o Vantuil. Foi muito lindo sentir a boa receptividade das pessoas, que sorriam, abanavam e faziam sinal de positivo.

O presidente do partido, Fábio Paz que é super atencioso, fez as honras da casa com tanto afeto que me deixou emocionada. Logo chegou a Síria França, proprietária do Salão Destaque e fiquei encantada com ela. Não é que me pegou pela mão e levou no estabelecimento dela? O local estava cheio de gente arrumando cabelos e pintando unhas, mas ela, dona de uma simpatia espetacular, em alto e bom som falou: “olhem para essa mulher que é candidata a deputada estadual.” Depois dessa folia toda, nós saímos a caminhar pelo comércio. Me chamou atenção na cidade de São Francisco que as mulheres dominam o trabalho no comércio. Entrei de loja em loja, porque gosto demais de falar com os comerciantes. É mesmo incrível como o comércio do interior tem coisas boas. Comprei um vestido diferente para a Martina. Foi na loja Finesse e adorei os proprietários, a Nair e o Wallao, que posso dizer que ficaram meus amigos.

Antes do almoço eu fui conhecer a Tia Therezinha e provar da sua ambrosia, que é famosa na região. Minha nossa, que delícia de doce! Ainda bem que perdi uns quilinhos na campanha e posso comer a ambrosia, que deve ter umas quinhentas calorias. Dona Therezinha é tia do Décio Nogueira que trabalha comigo e coordena minha campanha. Almoçamos na Feira de Agroindústrias e Artesanato e dali seguimos para São Vicente.


O encontro no trevo
Com a minha querida amiga Lisandra
Com o Delegado João Luis Brum e Diuliane

Com Fernando
Carreata indo para São Francisco de Assis
Chegada no Diretório do PP
Acolhida afetuosa
Com meu amigo e presidente do PP local
Compartilhando o entusiasmo dos meus amigos progressistas 
Manifestações que emocionam
Apoio de mulheres fortes e aguerridas 
Caminhando pelas ruas de São Francisco
Conversando com as pessoas 
Entregando minha propaganda
Elas já me conheciam de POA
Professora Ayda e eu garimpando votos
Alcançando minha propaganda para o motorista do caminhão
 A proprietária desse instituto de beleza é uma grande apoiadora 
Seu Schimt sempre atencioso e cuidadoso preparou o chimarrão 
Com a minha amiga professora Ayda
O riso contagiou a todos
Nem a escada nos impossibilita de entregar a propaganda
Com um simpático casal de comerciantes
Com Nair, proprietária da Loja Finesse
Com Wallao e Nair
Visitando a FEAGRO
A ambrosia da Tia Therezinha

sábado, 28 de agosto de 2010

Comitê - Um Espaço Aberto

No final do dia dessa quinta-feira, eu recebi muitas visitas no comitê. Amigos do passado e do presente foram declarar apoio a esse meu novo desafio político. Minha nossa, como é importante receber essas manifestações! Faz um grande bem para quem está nessa caminhada que, na reta final, se torna uma verdadeira maratona. Ali no meu comitê eu procurei criar um ambiente funcional e aconchegante como se fosse a continuação das casas daqueles que trabalham comigo. Eu quis oferecer boas condições para o pessoal que pega no batente e que são verdadeiras formiguinhas pelas ruas da capital empunhando bandeiras, garimpando votos, colocando faixas e placas. Quando eles retornam cansados, encontram um ambiente preparado especialmente para recebê-los com tranqüilidade e atenção. O local é para eles. Tem vezes que ficamos na sala em frente a lareira conversando sobre os mais diferentes assuntos. Gosto desse contato com eles. Fizemos um refeitório onde a hora da alimentação e a confraternização revigoram as energias perdidas.É muito bonito de ver aquele ambiente ganhar vida própria através do entra e sai dos colegas de trabalho, de voluntários da capital e do interior que querem se engajar na campanha, de lideranças políticas e amigos que fortificam essa caminhada rumo à Assembléia Legislativa.  
Com Elísio Marques da Silva e esposa
Com Homero Aita
Com Jota Amaral
Com Manoel Tostes
Com Valtinho que levou um amigo
Com a minha ex colega de aula, Monica e Dácio Paiva
Com Michel e Felipe
Com amigos de Torres, Milton e Laura Neves
Com Falcão
Rose no comando da agenda
A sala do comitê é um local de lazer e descanso
Os guardiões do comitê
A comandante da cozinha
A equipe no refeitório
Essa é a hora de recarregar as energias


sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Compartilhando comentários sobre a postagem "Torcida e Orgulho":

Realmente foi uma pena a injusta derrota gremista...mas valeu muito sua presenca entre nós...vc é um orgulho para todas nós gremistas ou não gremistas...e acima das cores clubísticas vc é exemplo para todas nós mulheres do Rio Grande!!! ESTAMOS TODAS CONTANDO CONTIGO!!!!


Roberta Lubianca


****************
Mônica


O texto “ Torcida e Orgulho” mostra como é forte e indispensável a sua presença na vida política do Rio Grande do Sul.Reitero minha admiração pela sua pessoa.


Um abraço.


Ana Maria Chiamulera


***************


Parabéns Mônica! A tua disponibilidade e contato direto com a população encanta os gaúchos.Obrigado por trazer de volta o meu interesse pela política.


João Antônio


***************
Prezada Candidata,


pode contar com mais dois votos: o meu e o de meu marido.


Aproveitamos a oportunidade para cumprimentá-la por suas atitudes firmes e dignas.


Atenciosamente,


Celia Doris Becker

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Torcida e Orgulho

Eu sei que não existe maior emoção para um torcedor do que assistir o seu time jogar e sair vencedor. É uma satisfação poder dizer que o seu time é campeão. Ontem fui no Estádio Olímpico para ver o campeonato brasileiro. Fui a convite de amigos que, dia desses, estiveram no meu comitê para apoiar a minha campanha. O Felipe meu filho, que é um gremista fanático, foi junto. Estacionei meu carro no estacionamento da ADVB em frente ao Fórum Central e encontrei esses amigos, que me aguardavam numa caminhonete van que nos levou até o estádio. Tudo bem organizado,  acontecendo no tempo certo, algo que eu aprecio muito. Na chegada, encontrei várias pessoas conhecidas e a conversa girou em torno das eleições que se aproximam. Seguimos para a ante sala da área vip tricolor onde garçons serviram uma massa ao molho de nata que estava uma delícia. Conheci o Assis, que é irmão e empresário do jogador Ronaldinho Gaúcho e a nova contratação do Grêmio, o lateral Gabriel, que jogava na Grécia. 

O jogo começou bem e o Grêmio logo no inicio fez um gol, mas houve o pênalti onde o Santos empatou e no segundo tempo, no ultimo minuto, quando tudo se encaminhava para um empate, o Grêmio foi vencido pelo adversário em 2X1. Valeu ter ido ao estádio, fazer um programa diferente num lugar onde as pessoas se emocionam, esquecem dos problemas e abraçam quem está do lado, enrolados no manto sagrado do seu clube. Adorei acompanhar meu filho Felipe e ver que ele torce com um entusiasmo respeitoso. Senti um orgulho danado do meu pequeno grande homem. 
Vivendo meu melhor papel: mãe do Felipe
 Com o empresário e irmão do Ronaldinho Gaúcho, Assis Moreira, Gabriel,nova contratação do Grêmio e meu filho Felipe
Um carinho no intervalo
Com Assis e Felipe

Com João Palmeiro e Bertier
Com o Sérgio Guánon, responsável pela área vip tricolor
Uma panorâmica do estádio
Comemorando com meu filho o primeiro gol 
 Com Roberta Lubianca e Luciane Wellausen
Com a Luciane Wellausen


quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Meu Site

Pessoal querido que acompanha o meu blog, eu quero dar uma notícia muito bacana, está no ar, a partir de hoje, o meu site! Fiz esse espaço para que vocês possam conhecer um pouco mais de mim e da minha nova caminhada política. Vou compartilhar fotos, notícias e eventos dos quais participo. Espero que gostem! Acessem:

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Uma visita especial

Essa semana, eu recebi no meu comitê um amigo do meu pai: Aderbal Torres Amorim. Ele e o Coronel Pedro Américo Leal são amigos de longa data e, juntos, viveram passagens de suas vidas muito bonitas e inesquecíveis. O interessante é que essa amizade deles foi herdada pelos filhos, e eu e o Omar somos amigos também.  Mostrei meu comitê para o Aderbal, contei da minha caminhada política e conversamos muito sobre amigos que temos em comum.
Recebendo a visita de Ana Paula Dalbosco e Aderbal Amorim

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Campanha é alegria!

Nesse domingo, estive na Vila Santa Rosa visitando a feira de alimentos. Foi muito legal caminhar e falar com as pessoas daquele bairro. Eu, que adoro falar com todo mundo, fiquei feliz da vida com a minha agenda de domingo. Conversei com os donos das barracas e com os fregueses. Também foi muito bom estar com a minha equipe de trabalho.Gosto demais de participar das tarefas de rua com eles. Eles são muito alegres, entusiasmados e parece que contagiam até o universo, então tudo vira uma festa e a minha campanha só ganha com isso. 

Logo que cheguei no local das barracas, encontrei a Maria Celeste, vereadora do PT, que é candidata a deputada estadual. Nós duas fomos colegas na Câmara Municipal e ali nasceu uma grande amizade que fazemos questão de manter firme e forte. Conversamos e fizemos planos positivos de nos encontrar o ano que vem na Assembléia Legislativa. Enquanto a Celeste e eu colocávamos os assuntos em dia, nosso pessoal com suas bandeiras, respeitosos e aproveitando para descansar um pouquinho, observavam tudo. As pessoas que passeavam na feira, devem ter achado a cena que viram, no mínimo curiosa: duas políticas de partidos bem diferente, conversando abraçadas e alegres. Porém, no nosso caso, nos comportamos assim porque criamos um vínculo no passado e hoje compactuamos o entendimento de que muitas relações políticas podem ficar, e conseguem ficar, acima das siglas partidárias. Resolvemos, então, registrar aquele momento.  
O entusiasmo da equipe
Exibindo as propagandas
Conversando com militantes de outro partido
A feira parou para nos ver passar 

Estacionamento Democrático

Na manhã de sábado, ao chegar no comitê, me deparei com um fato inusitado: um carro estacionado na nossa rampa, todo adesivado imagens e números de candidatos do PT. Aguardei que alguém aparecesse para retirar o veículo, mas que nada! Com isso fui buscar informações do pessoal que estava por ali e soube que o carro havia sido deixado na rampa durante a madrugada. Chamei a Brigada Militar e a EPTC, que disseram não poder fazer nada pelo fato do carro estar em um espaço privado. Incrível isso, eu busquei auxilio nas instituições públicas que me pareceram competentes para o assunto, mas estas, por limitações legais, nada puderam fazer.

 Depois de muitas horas tentando resolver o problema, resolvi olhar se havia alguma porta aberta no carro para encontrar um contato da pessoa responsável, e não é que o porta-malas estava aberto? E dentro vi um farto material de campanha dos candidatos Tarso Genro, Emília Fernandes e Adão Villaverde. Decidi, então, ligar para o Deputado Raul Pont, que foi muito atencioso e prontamente se dispôs a ajudar. Depois de 5 horas de espera apareceu o dono do carro relatando que o Uno ficou sem embreagem e por isso ele teria estacionado ali e que buscaria um mecânico. Quem disse que ele voltou? Novamente entrei em contato com o Deputado Raul Pont e com o Adão Villaverde e, logo em seguida, apareceu o cidadão, que chamou um guincho e retirou o carro da nossa garagem. 

Imagino que quem passou pela frente do meu comitê, fartamente identificado com a minha imagem nos banners e nos adesivos dos carros, um local comprometido com a coligação Confirma Rio Grande, não entendeu nada vendo aquele carro do PT ali. Realmente foi um fato inusitado e até irônico.

O que fiz para reparar um pouco a situação, enquanto busquei uma solução educada e respeitosa para resolver o problema, foi usar de criatividade colocando um enorme banner da candidata ao Senado Federal pelo PP, Ana Amélia Lemos, sobre o carro. Ora, em plena época de campanha política, não sou eu que vou fazer propaganda para os adversários.
Uma panorâmica do comitê 
Rampa do comitê 
 Usei de criatividade

sábado, 21 de agosto de 2010

Com a Política e o interior no coração: Agora a cidade de Coxilha



A Política é um organismo vivo. Ela é feita por um grupo de pessoas apaixonadas, que com elas sonham e por elas planejam, falam e se dedicam. No Rio Grande do Sul, a impressão é que se adora e se discute política o tempo todo. Eu não fujo a regra. Sou filha de político e ainda criança, muito pequena, acompanhava meu pai nos comícios, que naquela época eram a única maneira que os candidatos tinham para mostrar suas propostas e fazer suas campanhas. Lembro como se fosse hoje, de mãos dadas com ele, eu assistia as manifestações calorosas dos correligionários da Arena. Escutei muitos debates e embates do meu pai com políticos de diferentes siglas partidárias, dos quais divergia nas idéias e defendia suas posições com veemência. No entanto, ele tinha um verdadeiro cuidado com o outro, respeitava com devoção o seu opositor. O que importava era o Rio Grande do Sul. Era isso que estava acima das diferenças ideológicas. Era lindo de assistir!  Esse jeito do meu pai fazer política é que despertou em mim a vontade de lutar por causas que engrandeçam o Rio Grande. Estou sempre atenta às necessidades dos gaúchos. Na medida do possível, com as limitações legais que qualquer político enfrenta, eu me empenho para trabalhar pelo meu Estado. Tem sido assim a minha caminhada política. Primeiro como vereadora de Porto Alegre e depois como Secretária de Estado da Cultura.

Tenho percorrido o Rio Grande do Sul de canto a canto, indo até onde consigo chegar. Visitar os municípios gaúchos é recompensador. Esse é o motivo que me faz viajar centenas de quilômetros num mesmo dia para participar de um evento, de uma reunião. Não fico cansada, fico é muito feliz. Volto renovada com a energia que recebo dessas pessoas que me recebem com tanto carinho. Foi assim, nessa última sexta-feira, quando fui a Coxilha. Sai de Porto Alegre às 14h e 30 min, porque tive uma agenda cheia durante a manhã desse dia. Peguei a BR 386 lotada de caminhões. Cheguei lá em Coxilha quase às 20h. O evento foi organizado pelo Diretório Municipal do PP, tendo a coordenação do Sr. Adão Airton de Oliveira, que acompanha minha trajetória política e decidiu, com isto, apoiar minha campanha, já atuando intensivamente em Coxilha e cidades vizinhas. Ele é uma forte liderança política, sou fã desse cidadão aguerrido e forte. Encontrei o Vereador Abelar Antunes, do município de Sertão, que quer me apoiar e ali fechamos uma bela parceria. Haviam muitas lideranças políticas importantes que foram lá para me receber: o ex-Vereador Cleber Dornelles, o ex-Prefeito Ildo Orth, que fazem um bonito trabalho. Também estavam lá a Vice-Prefeita Eni Weber, a Presidente do Movimento da Mulher Progressista, Maria Trindade, a Presidente do PP de Coxilha, Rosane Crespi, a ex-Vereadora e ex-Prefeita Shirley. Que mulheres maravilhosas! Senti um orgulho danado delas, que são posicionadas e destemidas. O secretário da Administração, Tadeu, fez o cerimonial e deu um show de competência e conhecimento na área de comunicação. O coordenador de campanha do deputado federal, Luiz Carlos Heinze, senhor Ildo Finatto, fez a sua manifestação lembrando a lealdade do Pedro Américo Leal. 

Eu fiquei emocionada com a reunião festiva e especialmente preparada para mim, que teve um público enorme. Serviram um churrasco delicioso. Conversei com as pessoas, escutei pronunciamentos importantes e pude conhecer as necessidades do povo de Coxilha e região, que a partir de ontem, está dentro do meu coração. Saí de lá com uma sensação de missão recebida e de que vou cumprí-la. Cheguei na capital às 2h da manhã, para mais um fim-de-semana de trabalho.  
Com o Ex Prefeito Ildo, Adão Oliveira, Ilo Finatto, Eni Weber e Rosane Crespi
Panorâmica do salão da Casa Paroquial São João Batista
Com Adão Airton de Oliveira, Ilo Finatto e a Vice-Prefeita Eni Weber 
Salão Paroquial lotado com o afetuoso povo de Coxilha
Estiveram presentes aproximadamente 300 pessoas
Meu pronunciamento
Com Valdir de Souza que cuidou do som
Com a equipe que assou o churrasco
Com Maria Trindade
Pessoal atento ao churrasco
  Amigas progressistas
Com Tadeu e esposa