Projetos

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Rejeitado pedido de impeachment contra o prefeito Marchezan

Na Sessão Ordinária desta quarta, 18, foi deliberado em plenário o pedido de recebimento da denúncia contra o prefeito Nelson Marchezan Junior .
Como líder da minha Bancada, utilizei a tribuna para manifestar o entendimento dos vereadores progressistas.
Após discussão e votação, o pedido de recebimento da denúncia foi rejeitado por 28 votos a 7.


18 de Outubro - Dia do Médico

Parabenizando os maravilhosos médicos da minha família, James Marchiori, Tiago Leal Ghezzi, Caroline Lorenzoni Ghezzi e Sylvio Ibañez, cumprimento a todos que exercem esta nobre profissão.





terça-feira, 17 de outubro de 2017

Trabalhando pela volta da Av. Castelo Branco

Compartilho com os leitores do blog, matéria recente do jornal Zero Hora que dá conta da atual situação jurídica do processo que propõe devolver o nome da Avenida Castelo Branco à Porto Alegre, a partir do projeto de lei por mim apresentado. O Tribunal de Justiça/RS determinou, em 31 de agosto último, que Avenida da Legalidade e da Democracia volte a se chamar Castelo Branco após o julgamento do recurso de Apelação em Mandado de Segurança que impetrei junto com mais quatro colegas vereadores. 
Ganhamos na justiça, mas a Procuradoria da Câmara Municipal recorreu. Agora, o caso deve ser reapreciado pelo grupo do Tribunal de Justiça, que irá ratificar ou não a decisão. Portanto é preciso aguardar. 



Debatendo na TVE

Estou aqui na TVE/RS gravando para o programa Debate TVE. Na pauta, a liberação do porte de armas de fogo para os agentes de trânsito. Debato com o vereador Roberto Robaina e quem faz a apresentação e a mediação é a jornalista Lilian Abelin.
O programa vai ao ar hoje, terça-feira, dia 17, às 20h15, no Canal 7.
Te convido a nos assistir!







segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Entregue a proposta do orçamento 2018 para Porto Alegre


Nesta segunda-feira, 16, o prefeito Nelson Marchezan, o vice-prefeito Gustavo Paim e os secretários, José Alfredo Parode e Leonardo Busatto, compareceram na Câmara para fazer a entrega da Lei Orçamentária Anual do município para 2018.
Apesar das dificuldades financeiras, o governo está destinando mais recursos às áreas prioritárias como educação, saúde e segurança.
Como vereadora preocupada com o aumento da violência e com a segurança dos porto-alegrenses, aplaudo o aumento da ordem de 21,7% para a área da segurança pública, que para 2018 chega a R$ 60,4 milhões, quando para este 2017 ficou em R$ 49,4 milhões.
O prefeito em sua fala aos vereadores presentes destacou que o governo está à disposição do Legislativo para participar de todos os debates sobre o tema, já o secretário Parode, de Planejamento e Gestão, José Alfredo Parode, destacou que o grande desafio será a cobertura do déficit atual de R$ 708 milhões.
Elaborado em consonância com a Lei de Responsabilidade Fiscal, o Plano Plurianual 2014-2017, a Lei de Diretrizes Orçamentárias e com as prioridades do Orçamento Participativo, o Orçamento 2018 deve ser votado e sancionado até dezembro.