Projetos

sábado, 7 de setembro de 2013

Porto Alegre, 7 de setembro de 2013


A convite do General Bolivar Goellner, Comandante Militar do Sul, na manhã deste sábado, assisti ao desfile de 07 de setembro no palanque das autoridades.
Compartilhei do momento com o prefeito José Fortunati, com o Governador Tarso Genro, com o vice-prefeito Sebastião Melo, o Presidente da Câmara Municipal, vereador Thiago Duarte, o presidente do Tribunal de Contas, Dr. Cezar Miola, o Secretário de Segurança do RS, Airton Michels e o Chefe de Polícia, Ranolfo Vieira, e encontrei pessoas amigas do universo político, jurídico e militar.
Foi um ato cívico maravilhoso, com a presença de cerca de dez mil pessoas ao longo da avenida Loureiro da Silva e prestigiei com a mesma emoção que sinto todos os anos.
Faço questão de comparecer  aos eventos militares da capital, pois a família verde-oliva faz parte da história da minha vida. Esse é o meio em que cresci e com quem sempre convivi e muito aprendi. Tenho imenso orgulho de ser filha de um coronel do exército brasileiro da arma da infantaria e, levada pelas mãos dele, desde os meus cinco anos de idade passei a assistir aos desfiles militares. 
Junto com ele, no palanque oficial e formando meu sentimento de amor à pátria, ficava atenta do início ao fim, compenetrada, assimilando o significado e importância da data.
As "paradas" do 7 de setembro por todo o Brasil são uma tradição. Mesmo com os questionamentos que fazemos sobre o nosso país hoje enquanto cidadãos, mesmo com a crise de autoridade e o vale-tudo institucional que estamos vivendo, eles são um elo de memória, de respeito à história da nossa pátria e um exercício de civismo que não podemos deixar de valorizar.

Abaixo, as fotos do desfile, de autoria do jornalista Guga Stefanello:


No palanque tendo o privilégio de assistir ao desfile dos militares e organizações cívicas

Com governador Tarso Genro, Comandante Bolivar Goellner e prefeito Fortunati










Ao lado do vereador Dr.Thiago Duarte e do vice-prefeito Sebastião Melo

Acompanhada do Comandante Militar do Sul, General Bolivar Goellner







Nenhum comentário:

Postar um comentário