Projetos

domingo, 2 de agosto de 2020

Saudades do coração

Sempre achei que a saudade era um sentimento para ser administrado. A saudade do tempo que passou, de uma música, das viagens, das férias, de uma comida ... 
Mas a saudade de quem a gente ama é quase uma dor física, que aperta o coração. E aí nem mesmo fotos, mensagens, vídeos e telefonemas servem como remédio. É uma saudade  da presença, da pele, do cheiro, do riso, dos olhos nos olhos, do abraço e dos beijos. 
Foi essa saudade que me levou a passar uns dias com os meus amores reunidos na praia de Atlântida. As crianças, com o ensino remoto, estão praticamente morando na praia. Aproveitamos cada minuto e conseguimos colocar a saudade em dia.












Nenhum comentário:

Postar um comentário