quarta-feira, 5 de agosto de 2020

Compartilho a minha manifestação sobre o pedido de impeachment do prefeito de POA


Porto Alegre merece ser administrada com mais transparência e respeito com a sua população, que paga impostos.
Na 32ª Sessão Ordinária realizada na tarde desta quarta-feira, 05 de agosto, foi posto em discussão o pedido de impeachment do prefeito da Capital. Em sessão extraordinária, votamos pela abertura do processo de impeachment do prefeito Nelson Marchezan Jr. Foram 31 votos a favor da análise das acusações do processo, o que mostra a parcela de insatisfação geral pela atual gestão, confirmada pela votação dos vereadores, que são os representantes do povo.
O objeto deste pedido de impeachment que a Câmara recebeu e hoje foi admitido, é o uso de R$ 3,1 milhões do Fundo Municipal da Saúde em publicidade, o que indica que o prefeito cometeu crimes de responsabilidade ao alocar os recursos em meio à crise ocasionada pela pandemia.
É algo inadmissível e o qual eu já vinha me manifestando veementemenrte nas minhas falas nas sessões e nas minhas redes sociais desde junho. Agora, o rito vai ser seguido na Câmara, no cumprimento da nossa missão de fiscalizar os atos do governo municipal.

Leal a Porto Alegre. Leal a você.







Nenhum comentário:

Postar um comentário