Projetos

sábado, 13 de junho de 2020

Dois pesos, duas medidas

O prefeito Marchezan determina fechar o comércio para evitar que o público consumidor contribua para aglomerações, mas mantém o transporte público com horários e número de veículos reduzidos provocando proximidade entre as pessoas e aglomerações muito piores. Os comerciantes e os proprietários de lojas têm total condição e vontade para abrir seu estabelecimento com todo cuidado e regras. Os shoppings estão seguindo rigidamente o que foi permitido no decreto anterior, controlando entrada, temperatura e quantidade de público e não merecem esse novo golpe.
O que tem que ser feito são medidas urgentes quanto ao bem-estar e a saúde da população que utiliza ônibus para se deslocar e para trabalhar na Capital.

Leal a Porto Alegre. Leal a você

📷Maria Ana Krack/PMPA

Nenhum comentário:

Postar um comentário