sábado, 13 de junho de 2020

Com a devida importância

Neste sábado, eu, juntamente com mais dezesseis vereadores, preocupados com o Decreto de um novo fechamento do comércio em Porto Alegre, solicitamos uma reunião urgente com o prefeito Marchezan, mas ele não quis nos receber. Em função desse descaso com os parlamentares,  o vereador João Carlos Nedel pediu que a Mesa Diretora da Câmara se reunisse para debater e decidir uma ação. Soube há pouco que ficou decidido pelos membros da Mesa que será feito um contato pessoal do presidente Pujol com o prefeito solicitando a reunião com os 36 vereadores.
Não concordei. Defendi a necessidade de uma nota pública da Câmara Municipal contra o Decreto de fechamento dos shoppings, lojas de bairros e limite de atendimento de um aluno nas academias de ginástica. A população de Porto Alegre tem que ter conhecimento, de forma oficial, da posição e das ações dos vereadores.

Leal a Porto Alegre. Leal a você.


Foto: Tonico Alvares/CMPA


Nenhum comentário:

Postar um comentário