Projetos

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

Ano Velho e Ano Novo





Há um tempo para cada coisa nesse universo surpreendente que é a vida.
Tempo para um ano que chega ao fim e para um ano que se inicia. E é justamente nesse momento mágico, de tranquila transição, que aproveito a oportunidade para avaliar o tempo dedicado aos meus amigos: os de perto, os de longe, os antigos, os recentes, os que encontro sempre e aqueles que vejo pouco.
O ano passa e às vezes alguns parecem ter ficado esquecidos, ou não tão bem “atendidos” como deveriam.
Há os amigos a quem muito devo, e com os quais muito aprendi, com os quais construí sonhos, para os quais dei o melhor de mim.
Esse tempo não é mais o mesmo para os amigos que precocemente já partiram desta vida, porém, pelas lembranças constantes, vejo que deixaram suas raízes profundas em mim.
A esses amigos que possibilitam a vida, e a vida só vale a pena quando se tem amigos, eu quero brindar um Ano Novo. E dizer que as verdadeiras amizades continuam a crescer, mesmo sem muito tempo para cultivá-las, na correria do dia a dia, e que as minhas são, sem dúvida, o maior patrimônio que conquistei ao longo da minha trajetória pessoal e profissional.
Que em 2016, o meu tempo me proporcione ver e estar com esses amigos. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário