quarta-feira, 23 de março de 2016

Senadora Ana Amélia Lemos com a palavra


Em relação à lista de doações da empresa Odebrecht, veiculada pela imprensa nesta quarta-feira, esclareço que doações oriundas da empresa Braskem, subsidiária desse grupo e com atuação conhecida no Rio Grande do Sul, foram feitas ao Diretório Nacional do Partido Progressista, o qual repassou para a minha conta de campanha ao Senado, em 2010, parte desses recursos, da seguinte forma:

- no dia 27/08/2010, o diretório nacional repassou valores doados por essa empresa ao diretório estadual para diversos candidatos. O diretório estadual, do volume total, depositou na minha conta de campanha, no mesmo dia, R$ 74.569,98, e no dia 29/09/2010, R$ 25.000,00;

- no dia 27/09/2010, o diretório nacional repassou o valor de R$ 99.888,63, direto na minha conta de campanha;

- essas doações totalizam valor próximo a R$ 200 mil, citados na referida lista, com os descontos de despesas bancárias.

As doações estão devidamente registradas no Tribunal Regional Eleitoral com a prestação de contas aprovada, sem nenhuma ressalva, e constam no portal da transparência do Tribunal Superior Eleitoral.
Faço esse necessário esclarecimento pois defendo a total transparência dos fatos. Reafirmo cada vez mais meu apoio às investigações em curso pela Polícia Federal e ao trabalho das instituições na Operação Lava Jato.

Senadora Ana Amélia (PP-RS)

Nenhum comentário:

Postar um comentário